HDG arrecada donativos para vítimas das enchentes

O Hospital Dilson Godinho (HDG) entregou nesta sexta-feira, os donativos arrecadados pela “Campanha SOS Rio Grande do Sul”.

O Hospital Dilson Godinho (HDG) entregou nesta sexta-feira, os donativos arrecadados pela “Campanha SOS Rio Grande do Sul”. A Iniciativa foi sugerida pela colaboradora da Instituição, a psicóloga Bruna Costa que procurou o setor de Comunicação e Marketing e solicitou a parceria para ajudar através de campanha interna de divulgação entres colaboradores e parceiros.

“Solidarizar, cuidar das pessoas, ofertar ajuda, é um gesto de humanização. Fiquei muito feliz com a iniciativa para a campanha, o resultado foi ótimo! Estamos muito sensibilizados com a causa e agradeço imensamente a todos que colaboraram, por todas as doações e positividade”, disse Bruna Costa.

A campanha entre os seus colaboradores, prestadores de serviço e fornecedores para a arrecadação de doações para as vítimas das inundações no Rio Grande do Sul ganhou força e participação e foram arrecadadas milhares de peças de roupas, sapatos, água mineral, alimentos, produtos de higiene pessoal, agasalhos, cobertores, entre outros donativos.

“Os colaboradores do HDG abraçaram a campanha. E o mais interessante é que o propósito ultrapassou do pessoal da Instituição chegando até a comunidade no entorno do hospital. Recebemos donativos de muitos vizinhos, o que mostra a força da corrente do bem”, explicou a psicóloga.

As doações foram entregues na Assessoria de Comunicação do HDG, localizado na diretoria da Instituição. Foram doados: água, roupas, agasalhos, alimentos, produtos de limpeza e higiene pessoal, fraldas descartáveis, cobertores, roupas de cama, mesa e banho. As doações serão enviadas, sem custos, para o Rio Grande do Sul e destino à Defesa Civil do Estado Gaúcho.

“Esperamos que o Estado do Rio Grande do Sul se recupere logo dessa tragédia, de proporções gigantescas e alarmantes. Sabemos que reconstrução de estradas, pontes, cidades inteiras não será algo fácil e rápido, mas com a ajuda de todos e a união de esforços, as mazelas que estamos vendo, serão superadas pelo povo gaúcho. E a nós, resta-nos ajudar os nossos compatriotas com campanhas como essa, tão bem desenvolvida pelos nossos colaboradores”, disse o diretor-presidente do HDG, o médico Helder Leone de Carvalho.

O Rio Grande do Sul está sofrendo com as consequências de fortes chuvas que causaram inundações e deslizamentos de terra, afetando milhares de pessoas. Diante da situação, diversas iniciativas de apoio às vítimas estão sendo organizadas. As chuvas no Rio Grande do Sul começaram no final de abril, e se intensificaram nos primeiros dias de maio, causando inundações e deslizamentos de terra em diversas cidades do Estado Gaúcho.

CENÁRIO DE DESTRUIÇÃO – As fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul desde o final de abril causaram inundações e deslizamentos de terra em diversas cidades, afetando a vida de milhares de pessoas. Segundo o último boletim da Defesa Civil do Estado, divulgado na manhã dessa quarta- -feira, a situação ainda é crítica, com os seguintes números: municípios afetados (435); pessoas em abrigos (69.617); desalojados (337.116); afetados (1.916.070); feridos (756); desaparecidos (146); pessoas resgatadas: (70.863), animais resgatados: (9.984) e óbitos confirmados (113). Óbitos em investigação (1). Está sendo apurado se a morte tem relação com os eventos meteorológicos.

As cidades mais atingidas pelas enchentes são Caxias do Sul, Canoas, Gramado, Porto Alegre e Santo Ângelo. Nestas localidades, o número de desabrigados e desalojados é alto, e a infraestrutura básica foi severamente danificada. A situação no Rio Grande do Sul ainda é grave, mas a união e a solidariedade de todos podem fazer a diferença. Doem agora e ajudem as vítimas das enchentes!

Deputado Dimas Fabiano destaca a importância da nova lei para a proteção das mulheres

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Copasa investe R$ 10 milhões em obras de abastecimento de água
Copasa investe R$ 10 milhões em obras de abastecimento de água
Polícia Civil vai investigar incêndio em universidade
Polícia Civil vai investigar incêndio em universidade
Sebrae Minas e APACS realizam 1º Seminário da Cachaça em Salinas
Sebrae Minas e APACS realizam 1º Seminário da Cachaça em Salinas
Congresso da AMM reúne prefeitos
Congresso da AMM reúne prefeitos
Setenta mulheres são capacitadas para montagem de trackers solares
Setenta mulheres são capacitadas para montagem de trackers solares
Copasa garante recursos para universalizar saneamento
Copasa garante recursos para universalizar saneamento
Sexagenário desaparecido é encontrado em Bocaiúva
Sexagenário desaparecido é encontrado em Bocaiúva
Dirigentes se reúnem para votar porte de arma para advogados
Ocorrências de queimadas mais que dobraram em um mês em MG
Posto do Sine disponibiliza 92 vagas de empregos na cidade
CBM anuncia concurso com 329 vagas em Minas
Comunidades recebem Programa Água Doce
Município adia início do prazo de inscrições para o dia 1º de julho
Adolescente chama bombeiros ao ver cobra em refrigerador
Sudene quer criar Rede para fomentar inovação na região
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste