Ex-prefeito preso por crimes de responsabilidade e fraude

O ex-prefeito de Itacarambi, no Norte de Minas, Rudimar Barbosa, foi preso nessa segunda- -feira (13) durante uma operação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) – Regional Montes Claros

O ex-prefeito de Itacarambi, no Norte de Minas, Rudimar Barbosa, foi preso nessa segunda- -feira (13) durante uma operação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) – Regional Montes Claros –, com apoio da Polícia Militar. Ele estava com um mandado de prisão em aberto em virtude de sentença condenatória, e era considerado foragido.

Segundo o MPMG, o ex-prefeito foi condenado a sete anos e nove meses de prisão, em regime fechado, por crime de responsabilidade e por fraude em processo licitatório. “Em 2012, o MPMG apurou que o ex-prefeito e outros agentes, em concurso, frustraram e impediram o caráter competitivo de processo licitatório, mediante fraude em licitação destinada à aquisição de ônibus para a Secretaria Municipal de Educação de Itacarambi. Além disso, como fruto da aquisição de veículos superfaturados, o ex-prefeito e seus comparsas desviaram valores em prejuízo do município de Itacarambi”, informou o MP por meio de nota.

Após o trânsito em julgado da decisão condenatória, o mandado de prisão foi expedido pelo juízo da Vara Criminal, de Execuções Penais e da Infância e Juventude Infracional e de Precatórias Criminais da Comarca de Januária. O ex-prefeito foi localizado em Montes Claros. “Usando técnicas especiais de investigação e após trabalho de inteligência, equipes do Gaeco Regional conseguiram localizar e prender o ex-prefeito escondido em Montes Claros”.

Por meio de nota enviada a imprensa, o advogado de defesa, Petrônio Fernandes, informou que a prisão “não tem base legal, e se deu em virtude de um mandado originário de uma pena já cumprida por Rudimar e é objeto de recurso junto ao Superior Tribunal de Justiça, por meio de Habeas Corpus para que seja revogada”.

A Operação Beholders, atualmente em sua quinta fase, foi implementada pelo Gaeco Regional Montes Claros, com o objetivo de localizar e de prender foragidos da Justiça escondidos em Minas Gerais e em outros estados da federação.

Ex-prefeito preso por crimes de responsabilidade e fraude
Ex-prefeito Rudimar Barbosa, foragido da Justiça, é preso em operação do Gaeco Regional de Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Mulher condenada a pagar mais de R$ 40 mil a vítima de agressão
Mulher condenada a pagar mais de R$ 40 mil a vítima de agressão
TSE nega cassar mandato de Zema
TSE nega cassar mandato de Zema
Assembleia Legislativa homenageia a Codevasf
Assembleia Legislativa homenageia a Codevasf
Plano Mineiro de Segurança Hídrica tem segunda fase concluída pelo Igam
Plano Mineiro de Segurança Hídrica tem segunda fase concluída pelo Igam
Prefeitura anuncia plano de saúde e mais obras
Prefeitura anuncia plano de saúde e mais obras
Nikolas vem lançar pré-candidatura de Maurício
Nikolas vem lançar pré-candidatura de Maurício
Deputado vê relevância de obra viária na região
Deputado vê relevância de obra viária na região
Governo anuncia obras de asfaltamento da LMG-629
Governo anuncia obras de asfaltamento da LMG-629
PF e universidade fazem teste em urnas eletrônicas
Prefeito vê relevância das licitações
Visitas técnicas favorecem troca de experiências entre coordenadores do PJ Minas
Secretário pede diálogo e solução política para a dívida dos Estados
Prefeituras recebem R$ 9,7 bilhões de FPM nesta sexta
Assembleia Legislativa prioriza projeto de reajuste dos salários
Presidente da Assembleia é homenageado pela Marinha
Cimams é parceiro no Fórum Mineiro de Cidades Inteligentes
Saúde reforça prevenção e enfrentamento às doenças respiratórias
Sindicato da PP ameaça ‘parar’ visita a detentos
Bombeiros realizam captura de serpente em área urbana
Sejusp intensifica acesso à documentação para detentos
CB participa de ação preventiva em escola contra acidentes de trânsito