Assembleia Legislativa homenageia a Codevasf

Deputado destaca atuação da empresa na comemoração dos 50 anos de sua criação

Presente em 15 estados, além do Distrito Federal, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) será homenageada nesta quinta-feira, 16, pelos 50 anos de sua criação. A data será celebrada às 19 horas, em Reunião Especial no Plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A homenagem foi solicitada pelo deputado Gil Pereira, do PSD, que em seu requerimento destaca a importância da companhia para o Estado e as localidades em que está presente.

O deputado registra que a companhia está envolvida em diversos processos produtivos, a exemplo da agricultura familiar e irrigada, e que está prestes a iniciar uma obra importante para Minas, dentro do Projeto Hidroagrícola Jequitaí, beneficiando diretamente o Norte de Minas. “Vamos comemorar também o leilão do Projeto Hidroagrícola de Jequitaí, sonhado há décadas e que agora é realidade. Trará desenvolvimento e segurança hídrica, com 23,7 mil hectares irrigados e 100 mil empregos diretos e indiretos.”

JEQUITAÍ – O Projeto Hidroagrícola Jequitaí consiste na implantação de duas barragens de usos múltiplos no rio Jequitaí, na região dos municípios de Francisco Dumont, Claro dos Poções e Jequitaí, no Norte de Minas. Um leilão de concessão foi realizado no começo de março e teve como vencedor o Consórcio Jequitaí, com oferta de R$ 35 milhões pela outorga do empreendimento. O projeto deverá receber investimentos de R$ 1,5 bilhão durante o período de concessão, que terá prazo de 35 anos.

“Teremos, agora, os recursos para retomada e conclusão das obras, iniciadas em 2013”, comemora o deputado, que preside a Comissão de Minas e Energia da Assembleia. O projeto vai reforçar o abastecimento de água e possibilitar atividades como o ecoturismo, a recreação e a piscicultura na região. Quando concluído, beneficiará a população de 19 municípios no Norte de Minas.

Segundo a direção da companhia, além da reserva de água para segurança hídrica, o projeto terá a instalação de sistemas voltados para a produção agrícola irrigada em 20 mil hectares e as barragens viabilizarão ainda a geração de energia. Conforme a Codevasf, cerca de 650 mil pessoas serão beneficiadas, por meio de parcerias, com o objetivo de levar desenvolvimento sustentável ao interior do país. O prazo para instalação da primeira barragem do empreendimento é de 48 meses.

SEGURANÇA HÍDRICA – A Codevasf é uma empresa pública de direito privado, criada pela Lei 6.088, de 1974, de capital social pertencente integralmente à União e vinculada, atualmente, ao Ministério da Integração e Desenvolvimento Regional, tendo como objetivos erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais.

Criada originalmente para atuar na bacia do Rio São Francisco, por sua importância social e econômica para o País, ao longo dos anos a empresa foi expandindo sua abrangência para áreas de bacias hidrográficas de vários outros rios e estados. Hoje a companhia atua em mais de 3 milhões de quilômetros quadrados, abarcando cerca de 37% do território nacional. Além de Minas, está presente nos estados de Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe e Tocantins e no Distrito Federal.

A Codevasf atua por meio da execução direta ou de parcerias, com ações relacionadas, principalmente, ao desenvolvimento da agricultura irrigada, à revitalização de bacias hidrográficas, à estruturação de atividades produtivas e à oferta de água para garantia da segurança hídrica.

Assembleia Legislativa homenageia a Codevasf
Deputado Gil Pereira exalta atuação da Codevasf, especialmente em Minas Gerais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Emenda que amplia salário será votada
Emenda que amplia salário será votada
Presidente da Amams é homenageado pela AMM
Presidente da Amams é homenageado pela AMM
Prefeitura entrega certidões de regularização fundiária urbana
Prefeitura entrega certidões de regularização fundiária urbana
Governo aumenta reajuste salarial para 4,62%
Governo aumenta reajuste salarial para 4,62%
Cidade terá programa Governança Corporativa
Cidade terá programa Governança Corporativa
Projeto prevê proteção à mulher vítima de violência
Projeto prevê proteção à mulher vítima de violência
Montes-clarense assume o TSE pela segunda vez
Montes-clarense assume o TSE pela segunda vez
Prefeitura presta contas na Câmara
Prefeitura presta contas na Câmara
Zema exalta posse de montes-clarense no TSE
Congresso destaca apoio do Governo às prefeituras
Estado apresenta soluções inovadoras para municípios
Vereadores pedem fim do lixão no bairro Canelas
Deputada do PL vai assumir Secretaria no governo Zema
TRE trabalha com foco nas eleições municipais
Último FPM de maio tem aumento de 20%
Deputados aprovam revisão dos salários para servidores
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste