Nova praça recebe o nome do fotógrafo Aldemário Collares

A antiga Praça Sete Rodas, uma referência central de localização para o povo de Januária, foi totalmente reformada e foi inaugurada.

A antiga Praça Sete Rodas, uma referência central de localização para o povo de Januária, foi totalmente reformada e foi inaugurada. Em administrações anteriores, foram cedendo espaços e as pessoas começaram a construir suas barracas e, logo, toda a praça estava tomada pelo comércio, de forma irregular. Isso se propagou, muito rapidamente, por outros espaços públicos.

A administração atual está recuperando todo espaço público do município e devolvendo a população de forma organizada. Outro espaço foi cedido às pessoas, para que trabalhem com o seu comércio. A praça Aldemário Collares é apenas umas das praças recuperadas que está sendo devolvida à população.

O projeto atual do município, cujos investimentos superam os R$ 250 mil, trouxe como marco um obelisco com pinturas rupestres que homenageiam o Parque Nacional Cavernas do Peruaçu, grande patrimônio natural brasileiro visitado por turistas do Brasil e do mundo, cujo território engloba também Januária, e está sendo avaliado pra tornar-se patrimônio da humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) agência especializada das Nações Unidas (ONU) com sede em Paris, fundada em 4 de novembro de 1946 com o objetivo com o objetivo de garantir a paz por meio da cooperação intelectual entre as nações, acompanhando o desenvolvimento.

PINTOR – Além do monumento, a praça conta também com obras do pintor januarense Valdeci Guimarães, que representou maravilhosamente a paisagem do cais antigo da cidade em um grande mural, que conta também com frases marcantes de Manoel Ambrósio e Guimarães Rosa.

Após uma enquete pública realizada para renomear a praça, foi escolhido em votação o nome do fotógrafo Aldemário Collares, dentre outros nomes de januarenses ilustres.

Nascido em 22 de julho de 1898, em Januária, ele foi o fotógrafo profissional pioneiro em Januária, influenciando uma geração inteira de fotógrafos na região. Aldemário aprendeu a arte da fotografia no Rio de Janeiro e dedicou mais de 60 anos de sua vida a documentar a história e beleza de sua amada cidade de Januária. Sua contribuição para a nossa cultura é inestimável. Capturou não apenas as estruturas arquitetônicas, mas também os momentos importantes da vida política, educacional, esportiva, jurídica e da saúde da cidade. Até hoje, suas fotografias continuam a inspirar e contar a história da cidade e de seus habitantes.

Quando morou no Rio de Janeiro, onde estudou fotografia, Aldemário Collares também trabalhava em uma alfaiataria. Certo dia recebeu uma encomenda de um terno. O cliente era, nada mais, nada menos, que Ruy Barbosa, uma das mais inteligentes personalidades da política brasileira.

“Quando foi fazer a entrega do terno, Aldemário Collares levou sua máquina fotográfica e fez esse registro fotográfico, hoje, uma grande relíquia. Além desse registro de Ruy Barbosa, iremos mostrar alguns registros do Aldemário Collares que contam um pouco da história barranqueira januarense. Todo acervo foi cedido pela família Collares”, informa o município.

A inauguração contou com evento comemorativo e shows artísticos e talentos da terra.

Nova praça recebe o nome do fotógrafo Aldemário Collares
Aldemário Collares foi lembrado pelo município januarense

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Copasa investe R$ 10 milhões em obras de abastecimento de água
Copasa investe R$ 10 milhões em obras de abastecimento de água
Polícia Civil vai investigar incêndio em universidade
Polícia Civil vai investigar incêndio em universidade
Sebrae Minas e APACS realizam 1º Seminário da Cachaça em Salinas
Sebrae Minas e APACS realizam 1º Seminário da Cachaça em Salinas
Congresso da AMM reúne prefeitos
Congresso da AMM reúne prefeitos
Setenta mulheres são capacitadas para montagem de trackers solares
Setenta mulheres são capacitadas para montagem de trackers solares
Copasa garante recursos para universalizar saneamento
Copasa garante recursos para universalizar saneamento
Sexagenário desaparecido é encontrado em Bocaiúva
Sexagenário desaparecido é encontrado em Bocaiúva
Dirigentes se reúnem para votar porte de arma para advogados
Ocorrências de queimadas mais que dobraram em um mês em MG
Posto do Sine disponibiliza 92 vagas de empregos na cidade
CBM anuncia concurso com 329 vagas em Minas
Comunidades recebem Programa Água Doce
Município adia início do prazo de inscrições para o dia 1º de julho
Adolescente chama bombeiros ao ver cobra em refrigerador
Sudene quer criar Rede para fomentar inovação na região
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste