[views count="1" print="0"]

Duas mil pessoas participaram de 1º Congresso do Codonorte

Cerca de 2 mil pessoas de várias partes do país participaram do 1º Congresso de Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade para a Gestão Pública (CINTECS), promovido entre os dias 29 e 30 de agosto, em Montes Claros. O número bateu 30% a mais do público esperado e superou as expectativas da organização.

Cerca de 2 mil pessoas de várias partes do país participaram do 1º Congresso de Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade para a Gestão Pública (CINTECS), promovido entre os dias 29 e 30 de agosto, em Montes Claros. O número bateu 30% a mais do público esperado e superou as expectativas da organização. Foi realizado no Lilia Buffet na Avenida Francisco Gaetani, Bairro Major Prates, em Montes Claros.

Como o próprio nome já diz, o CINTECS apresentou vasta programação, dividida entre cinco painéis temáticos simultâneos, voltada para o desenvolvimento tecnológico e sustentável dos municípios, oferecendo soluções inovadoras para que eles se tornem mais inteligentes.

Ao todo, foram mais de 100 palestrantes que subiram nos palcos Mandacaru, Flor de Pequi, Flamboyam, sempre-viva e Ypê amarelo. Entre os palestrantes que participaram estão: o procurador-geral do Ministério Público de Minas Gerais, Dr. Jarbas Soares, o empresário

Geraldo Rufino, a secretária de meio ambiente de Minas Gerais, Marília Melo, e a jornalista Giuliana Morrone. A proposta busca atender a uma mobilização global em prol da modernidade na administração pública focada na eficiência, agilidade e transparência. Foi destinado a representantes dos órgãos e entidades das esferas do Governo Federal, Estadual e Municipal, presidentes e secretários executivos de Consórcios, sociedade civil, comunidade estudantil e empreendedores.

“Foram dois dias de muito conhecimento, troca de experiências e contato com todos aqueles que desejam conhecer o que há de melhor para o avanço das nossas cidades. Ficamos felizes em trazer um evento inovador, que não deixou a desejar em nada comparado aqueles congressos feitos nos grandes centros do país. Sem dúvidas, o Codanorte fez história e trouxe o melhor da tecnologia para promover boas experiências ao público presente”, ressaltou o presidente do Codanorte e prefeito de Francisco Dumont, Eduardo Rabelo.

Uma das novidades do evento, foi o fato de os participantes poderem sintonizar qual palestra desejava escutar, pois as palestras foram apresentadas via rádio e fone de ouvido, o que permitiu que um palco não atrapalhasse o outro. O destaque também foi o crachá sustentável com semente, onde o participante poderá picotá-lo após o evento e plantá-lo.

FEIRA DE NEGÓCIOS – O espaço também foi propício para as empresas e instituições apresentarem suas marcas, na Feira de Negócios de Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade – FINTECS 2023, espaço para networking e apresentações de casos de sucesso em diversas áreas do mercado. O espaço reuniu empresas e serviços de educação, tecnologia, gestão de resíduos, saúde e muito mais.

“Foi surpreendente para nós a organização e o tanto que esse evento está representando para a nossa empresa. Então, foi um ganho e excelente experiência estar do CINTECS”, destacou o diretor da Exata Group, empresa que veio de Contagem para expor no evento.

A Cedro agronegócios, que possui filiais em Minas Gerais, também instalou estande no CINTECS. “Gostaria de parabenizar o Codanorte pelo evento promovido, que agregou muito valor econômico e ambiental para o nosso setor”, comentou a analista Renata de Jesus.

RODA DE CONVERSA – O CINTECS também foi um momento de integração com um grupo fundamental na busca pela sustentabilidade do planeta. Catadores de materiais recicláveis participaram da “1ª Roda de escuta e conversa com os catadores de materiais recicláveis”, promovida na manhã desta quarta-feira (30), no estande do Codanorte.

A advogada assessora técnica do Codanorte, Fátima Procópio, responsável pela mobilização dos catadores, conta que durante um ano de trabalho, a equipe pode visitar os lixões, galpões e conhecer a realidade destes profissionais em Januária, Manga, Itacarambi, Pedras de Maria da Cruz, Pirapora, Buritizeiro, Brasília de Minas e São Francisco, entre outros. “Pudemos constatar o quanto estamos distantes de uma inclusão adequada nos processos de gestão. É um desafio sensibilizar os gestores, é um desafio planejar conjuntamente a transição necessária diante da necessidade de encerrar os lixões.

Faltam recursos, mas especialmente conhecimento, envolvimento e visão de um futuro possível. Nosso papel nesta Roda é primeiro escutar… e então trazer uma luz de possibilidades para os próximos anos, com os aportes possíveis dos governos em todos os níveis, dos órgãos públicos e principalmente da sociedade e seus profissionais. Obrigada por virem escutar e levar a voz dos Catadores”.

SEIS EIXOS – Voltada para a promoção do conhecimento, a IV Mostra Científica do Codanorte abordou seis eixos temáticos: Políticas públicas; Meio ambiente e saneamento; Licenciamento ambiental; Saúde Pública; Desenvolvimento regional; e Turismo.

Cerca de 20 acadêmicos e pesquisadores apresentaram os trabalhos na tarde desta quarta-feira (30). A coordenadora da Mostra Científica, Suelen Santos, explica que o objetivo foi “englobar diversas discussões a respeito de impactantes temas da gestão pública e seus desafios na atualidade, além de cuidar das relações existentes entre o ser humano e o meio ambiente com ênfase na sustentabilidade. O evento de abrangência regional propicia, mediante programação diversificada e de qualidade, a atualização dos participantes, além de fortalecer o papel do CODANORTE como gerador e divulgador de conhecimentocientífico”.

Os três melhores trabalhos ganharam o Certificado de Honra ao Mérito, e todos os trabalhos apresentados serão publicados nos anais do congresso.

CULTURA – A valorização da cultura e dos artistas também não faltou no CINTECS. Durante os dois dias de evento, público pôde prestigiar a apresentação do grupo Catopês de Montes Claros, da cantora norte-mineira Juliana Gorayeb e do cantor gaúcho Ratto.

SOLIDARIEDADE – O CINTECS foi um evento gratuito, com a entrada de 1 kg de alimento não perecível. A ação arrecadou quase uma tonelada de alimentos que serão destinados às instituições filantrópicas da região.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Rotary repassa recursos ao Lar Padre Henrique
Rotary repassa recursos ao Lar Padre Henrique
Cimams quer acelerar reconstrução de ponte
Cimams quer acelerar reconstrução de ponte
Região terá a maior usina solar do país
Região terá a maior usina solar do país
DER vai recuperar ponte interditada na MGC-122
DER vai recuperar ponte interditada na MGC-122
Idoso morre atropelado por carro na avenida João XXIII
Idoso morre atropelado por carro na avenida João XXIII
“Cemig na Praça” chega à cidade
“Cemig na Praça” chega à cidade
Bolsa Família e Auxílio Gás pagam R$ 18,4 mi no município este mês
Bolsa Família e Auxílio Gás pagam R$ 18,4 mi no município este mês
Governo inicia obras de recuperação de rodovia
Governo inicia obras de recuperação de rodovia
ADI questiona artigo do Código de Ética e Disciplina dos Militares de Minas Gerais
Várzea da Palma divulga chamada pública
Prazo para solicitar ou renovar Fies no BNB termina no dia 29
Receita alerta microempreendedor sobre erro na declaração anual
Bombeiros usam técnica de rapel para resgatar corpo em grota em Olhos D´Água
Município de Jaíba assina termos para fortalecer projetos sociais
Instituto Erize abre inscrições gratuitas
Seminário da Mulher Empresária Divinópolis terá Centro de Especialidades será realizado no próximo dia 5
BANNER 2
Rotary repassa recursos ao Lar Padre Henrique
Projeto aprovado pelo Senado vai novamente para a Câmara Federal
PF recaptura condenado a 96 anos que participou da Chacina de Unaí
Mulher baleada no rosto e braço em São João do Paraíso com 38
Retido ônibus com mercadorias avaliada sem R$ 200 mil na BR-135 em Montes Claros