[views count="1" print="0"]

Aneel aprova minuta de edital de leilão que contemplará a região

Com expectativa de investimentos de R$ 18,2 bilhões, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta semana, e já encaminhou ao Tribunal de Contas da União (TCU), a minuta do edital do primeiro leilão de transmissão de 2024, que prevê a construção de 6.464 quilômetros de linhas de transmissão e 9.200 MVA em capacidade de transformação de energia.

Com expectativa de investimentos de R$ 18,2 bilhões, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta semana, e já encaminhou ao Tribunal de Contas da União (TCU), a minuta do edital do primeiro leilão de transmissão de 2024, que prevê a construção de 6.464 quilômetros de linhas de transmissão e 9.200 MVA em capacidade de transformação de energia.

O certame está marcado para 28 de março, na sede da B3, em São Paulo. O leilão será dividido em 15 lotes e, segundo a Aneel, a implantação dos 69 projetos deve criar 35 mil empregos diretos e indiretos. Os empreendimentos vão gerar vultuosos investimentos nos Estados de Minas Gerais, Ceará, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Tocantins, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Maranhão.

A maioria dos empreendimentos visa a expansão da Rede Básica para possibilitar o escoamento de usinas de energia renovável da região Nordeste, com destaque para as usinas eólicas e solares.

NORTE DE MINAS

Dois dos lotes terá o município de São João do Paraíso como um dos pilares:

LOTE 6 – LT 500 kV – Jussiape/ BA – São João do Paraíso/MG C1 e C2, CS, com 225 km cada; LT 500 kV – São João do Paraíso – Capelinha/MG 3 C1, CS, com 254 km; LT 500 kV – Capelinha 3 – Itabira/MG 5 C1, CS, com 241 km; Trechos de LT 500 kV entre a SE Jussiape e o seccionamento da LT 500 kV Igaporã III – Ibicoara C1, CS, com 2 x 3,0 km; SE 500 kV Juassiape; SE 500 kV São João do Paraíso e Compensação Síncrona (-200/ +300) Mvar, com 66 meses para execução.

FUNÇÃO DO EMPREENDIMENTO: Expansão do sistema de transmissão da Área Sul da Região Nordeste e Norte de Minas Gerais para fazer frente à expectativa de contratação de elevados montantes de energia provenientes de empreendimentos de geração renovável na região com destaque para as usinas eólicas e solares.

LOTE 15 – LT 500 kV – São João do Paraíso – Padre Paraíso/MG 2 C1, CS, com 175 km; LT 500 kV Padre Paraíso 2 – Mutum/MG C1, CS, com 334 km.

FUNÇÃO DO EMPREENDIMENTO: Expansão do sistema de transmissão da Área Sul da Região Nordeste e Norte do Estado de Minas Gerais para fazer frente à expectativa de contratação de elevados montantes de energia provenientes de empreendimentos de geração renovável na região com destaque para as usinas eólicas e solares, com 66 meses de execução.

REGRAS

Após a experiência negativa com o Consórcio Gênesis, a Aneel tomou novas precauções para evitar que empresas sem histórico no setor elétrico participem do certame. As empresas que ganharem o leilão precisarão mostrar que já realizaram uma obra semelhante, correspondendo a pelo menos 30% do tamanho do projeto do lote em disputa. Se for uma linha de transmissão, esse percentual será equivalente à extensão do projeto na mesma voltagem. No caso de subestação ou instalação de equipamentos, será levada em conta a potência do projeto ou do equipamento.

PARECER INDEPENDENTE

Além disso, as exigências para a capacidade financeira e econômica das empresas proponentes serão alteradas em comparação com editais anteriores. A empresa vencedora deverá apresentar demonstrações contábeis, acompanhadas por um parecer de um auditor independente registrado na CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

“Caso a proponente vencedora seja inabilitada, as remanescentes serão convocadas, segundo a ordem crescente dos valores dos lances ofertados no leilão, para apresentar os documentos de habilitação, desde que aceitem a proposta financeira apresentada pela proponente inabilitada. Se nenhuma das remanescentes aceitar a proposta financeira ofertada pela inabilitada, a Comissão Especial de Leilões da Aneel poderá convocá-las para apresentação, em sessão pública extraordinária, de envelope contendo proposta adicional ou manifestação de não interesse. Caso haja apresentação de uma ou mais propostas menores que a classificada em segundo lugar no leilão, será convocada para apresentação dos documentos de habilitação a participante que oferecer o menor valor de Receita Anual Permitida (RAP). Se não houver proposta na ocasião, será convocada para apresentar os documentos de habilitação a segunda classificada durante o leilão, pelo valor do seu próprio lance”, disse a Aneel em nota.

PRÓXIMO LEILÃO

No próximo dia 15 será realizado o segundo leilão de transmissão de 2023, cujos investimentos somam R$ 21,7 bilhões. Serão licitados 9 lotes, somando mais de 3 mil quilômetros em linhas de transmissão e seccionamentos e de 9.840 MVA em capacidade de conversão nas subestações.

Aneel aprova minuta de edital de leilão que contemplará a região
NORTE de Minas receberá novas linhas de transmissão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Projeto de R$ 125 mi terá patente local
Projeto de R$ 125 mi terá patente local
Evento Sistema Fecomércio MG na Rua movimenta Paracatu em março
Evento Sistema Fecomércio MG na Rua movimenta Paracatu em março
Região pode ganhar fábrica de celulose
Região pode ganhar fábrica de celulose
Sebrae Minas lança programa de atração de investimentos
Sebrae Minas lança programa de atração de investimentos
Município de Montalvânia em parceria com a Emater entrega 1 tonelada de sementes de feijão
Município de Montalvânia em parceria com a Emater entrega 1 tonelada de sementes de feijão
Governo investe mais de R$ 17 mi na defesa agropecuária
Governo investe mais de R$ 17 mi na defesa agropecuária
Pequenos negócios geraram 9 em cada 10 empregos
Pequenos negócios geraram 9 em cada 10 empregos
Mulheres formam 70% do público do Crediamigo em Minas Gerais
Mulheres formam 70% do público do Crediamigo em Minas Gerais
Itens tradicionais para a refeição da Páscoa têm forte desaceleração
Cerca de 8 milhões de empresas poderão usar o Desenrola
Sicoob estima liberar R$ 7 bi em crédito rural
Banco Central eleva expectativa da inflação
Governo se alia ao Serasa para ampliar o alcance
Inflação de janeiro fica em 0,42%
Projeto cria programa nos moldes do Desenrola Brasil para empresas
Energia solar atinge mais de R$ 184 bi em investimentos
BANNER 2
Escola supera marca de quase 700 mil certificações
Jovem preso com drogas em Janaúba
PC conclui inquérito sobre desvio de verbas públicas
Acusado de matar jovem no dia do aniversário pega 16 anos de prisão
Jovem baleado pula muro de casa e é socorrido por populares