TRE participa de ação social e atende indígenas Xakriabá

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), participou no dia 29 de fevereiro do atendimento itinerante aos indígenas da etnia Xakriabá

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), participou no dia 29 de fevereiro do atendimento itinerante aos indígenas da etnia Xakriabá. A ação, que faz parte do projeto do TJMG “Cidadania, Democracia e Justiça aos Povos Originários em Minas Gerais” ocorreu na escola da aldeia “Brejo Mata Fome”, no município de São João das Missões, Norte de Minas. O cartório da 166ª zona eleitoral de Manga, a qual estão vinculados os municípios de Miravânia e São João das Missões, foi o responsável.

A iniciativa disponibilizou todos os atendimentos eleitorais como: alistamento, revisão, transferência e regularização da situação eleitoral. Foram colhidas as biometrias das pessoas que ainda não haviam realizado o procedimento. Foram realizadas diversas consultas, esclarecimentos e 53 procedimentos eleitorais.

Além do TRE, o evento promovido pelo TJMG, em parceria com o Ministério Público de Minas Gerais, contou com a participação de entidades, incluindo a Cemig, as Polícias Civil e Militar, as prefeituras de Miravânia, São João das Missões e suas respectivas secretariais, a Defensoria Pública, Copasa, Emater, Recivil e voluntários locais.

CADASTRO ELEITORAL – O Cadastro da Justiça Eleitoral foi atualizado, conforme preceitua o art. 42, VI, da Resolução TSE nº 23.659/2021, com a possibilidade de identificação da pessoa como “indígena”, o que tornou possível a revisão dos dados de todas as eleitoras e eleitores indígenas, com a indicação de sua etnia e a língua que pratica, de forma exclusiva ou concomitante com o português.

PROJETO – Com o objetivo de garantir que os povos indígenas não só exerçam a cidadania por meio do voto, como também participem ativamente de todos os momentos de uma eleição e do cenário político do país, o TRE criou o projeto “Democracia, Cidadania e Justiça”.

Em 2022, aconteceu o atendimento às comunidades Maxakali, como fim de efetivar o exercício da cidadania pelos indígenas. Foram realizadas visitas às aldeias Maxakali nos municípios de Bertópolis e Santa Helena de Minas, no Vale do Mucuri, com a participação de órgãos públicos, incluindo a 4ª Zona Eleitoral, sediada em Águas Formosas. Posteriormente, aconteceu eleição simulada com o uso da urna eletrônica, usando a língua Maxakali e desenhos de animais feitos pelos próprios indígenas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Emater investe R$ 2,6 mi em qualificação de colaboradores
Emater investe R$ 2,6 mi em qualificação de colaboradores
DPMG realizará mutirão em São Francisco
DPMG realiza Mutirão das Famílias nesta sexta
Fórum abordará influência das redes na carreira profissional
Fórum abordará influência das redes na carreira profissional
Lote sujo preocupa moradores e comerciantes
Lote sujo preocupa moradores e comerciantes
Empresa vencedora vai executar obra de cratera
Empresa vencedora vai executar obra de cratera
Entidades empresariais realizam o Acelera 3.0 na cidade no dia 22
Entidades empresariais realizam o Acelera 3.0 na cidade no dia 22
Com uso de drone, homem desaparecido é encontrado
Com uso de drone, homem desaparecido é encontrado
Obra da ponte do JK avança e deverá ser concluída em maio
Obra da ponte do JK avança e deverá ser concluída em maio
Jovem que ingeriu colher deixa hospital sem finalizar tratamento
Projeto MP em Movimento será lançado hoje em MOC
TRE instala posto temporário na Assembleia Legislativa
Amams promoverá encontro para discutir assistência social
Januária passará por inspeção técnica na Comarca
Lançamento será em Montes Claros no dia 18
Secretário exalta relevância de programa que atende a região
TJMG realiza Mutirões do Júri em comarcas do interior de MG
Emater investe R$ 2,6 mi em qualificação de colaboradores
Reforço na fiscalização ambiental em Minas
Dupla detida suspeita de tráfico de drogas
Homem condenado a 14anos de prisão por homicídio
Pássaros da fauna silvestre apreendidos