Prefeitura e Sebrae realizam mutirão para DASN dos MEIs

A Prefeitura de Montes Claros, por meio da Sala Mineira do Empreendedor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, e em parceria com o Sebrae, realizou nessa quinta-feira (23/5), mutirão de atendimento gratuito aos Microempreendedores Individuais (MEI) que ainda não haviam realizado a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI).

A Prefeitura de Montes Claros, por meio da Sala Mineira do Empreendedor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, e em parceria com o Sebrae, realizou nessa quinta-feira (23/5), mutirão de atendimento gratuito aos Microempreendedores Individuais (MEI) que ainda não haviam realizado a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI). A ação aconteceu na Praça Beato Francisco Coll, no bairro Maracanã, zona sul de Montes Claros. A iniciativa faz parte da programação da Semana do MEI, que acontece em todo o Brasil, de 20 a 24 de maio.

Vale destacar que o prazo para entrega da declaração termina em 31 de maio. A DASN-SIMEI é uma obrigação anual das empresas constituídas como Microempreendedor Individual (MEI) e deve ser enviada por todos os empresários que optaram por este sistema especial de tributação por qualquer período no ano calendário de referência, mesmo que não tenham registrado receita. Em Minas Gerais, são 1,7 milhão de MEIs com essa obrigação. Em Montes Claros, são mais de 34 mil.

Os microempreendedores que não apresentarem a DASN até o prazo estipulado arcarão com juros e multa por mês de atraso. Além disso, o MEI que deixar de apresentar a DASN-SIMEI por um período superior a 90 dias (contados do vencimento do prazo de entrega) poderá ter a inscrição no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) tornada inapta.

Entre as consequências de ter o CNPJ inapto está perda do direito de receber benefícios previdenciários, como aposentadoria por idade ou invalidez, auxílio-doença, salário-maternidade, auxílio-reclusão ou pensão por morte; os débitos poderão ser incluídos em dívida ativa, fazendo com que o CPF e CNPJ fiquem negativados; impossibilidade de emitir notas fiscais e cancelamento de alvarás.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Emenda que amplia salário será votada
Emenda que amplia salário será votada
Presidente da Amams é homenageado pela AMM
Presidente da Amams é homenageado pela AMM
Prefeitura entrega certidões de regularização fundiária urbana
Prefeitura entrega certidões de regularização fundiária urbana
Governo aumenta reajuste salarial para 4,62%
Governo aumenta reajuste salarial para 4,62%
Cidade terá programa Governança Corporativa
Cidade terá programa Governança Corporativa
Projeto prevê proteção à mulher vítima de violência
Projeto prevê proteção à mulher vítima de violência
Montes-clarense assume o TSE pela segunda vez
Montes-clarense assume o TSE pela segunda vez
Prefeitura presta contas na Câmara
Prefeitura presta contas na Câmara
Zema exalta posse de montes-clarense no TSE
Congresso destaca apoio do Governo às prefeituras
Estado apresenta soluções inovadoras para municípios
Vereadores pedem fim do lixão no bairro Canelas
Deputada do PL vai assumir Secretaria no governo Zema
TRE trabalha com foco nas eleições municipais
Último FPM de maio tem aumento de 20%
Deputados aprovam revisão dos salários para servidores
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste