Onça-parda encontrada morta na rodovia MGC-135

Uma onça-parda foi encontrada morta na MGC-135, em Mirabela, nessa quarta-feira (17/4).

Uma onça-parda foi encontrada morta na MGC-135, em Mirabela, nessa quarta-feira (17/4). Segundo a Polícia Militar Rodoviária, uma equipe foi ao KM 315 ao ser acionada por usuários da rodovia. Eles relataram que algumas pessoas estavam parando para tirar fotos, colocando em risco quem passa pelo local. Ainda de acordo com a PMRv, a suspeita é que a onça tenha sido atropelada, mas nenhum condutor entrou em contato comunicando o acidente. Por conta da natureza da ocorrência, a Polícia Militar de Meio Ambiente foi acionada.

“Ao chegarmos no local, a onça se encontrava em estado de putrefação, com a presença de larvas. Por isso, ficou inviável o recolhimento e o transporte para Montes Claros. Não havia marcas de tiros e nada semelhante, possivelmente, se trata mesmo de um atropelamento ocorrido no dia anterior”, detalha o sargento Elton Fabiano Alves de Oliveira, da PM de Meio Ambiente.

Quando o animal apresenta condições de ser recolhido, é feito o encaminhamento para o Centro de Triagem de Animais Silvestres do Ibama. “Nós deslocamos para ver o estado do animal, já que seria interessante fazer o transporte para ser feita taxidermia [método de conservação de corpos de animais], tendo em vista que se trata de um animal raro e que poderia ser usado em exposições com foco em educação ambiental”, completa o sargento.

ONÇA-PARDA – Segundo o Instituto Chico Mendes para a Conservação da Biodiversidade a onça-parda pode ocorrer em diferentes biomas do Brasil. Conhecida também por suçuarana, é o segundo maior felino do Brasil, podendo medir de 1,5 a 2,75 metros de comprimento e pesar de 22 a 70 quilos.

“A onça-parda, diferentemente dos grandes felinos, como a onça, não esturra, nem urra. Sua vocalização é similar a um miado. Além do tamanho este animal chama atenção por sua agilidade. Suas patas posteriores, proporcionalmente as maiores entre os felinos, permitem ao animal realizar grandes saltos, tanto em distância quanto em altura, atingir grandes velocidades em distâncias curtas, escalar com exímia destreza e, também, eventualmente, deslocar-se com facilidade na copa das árvores.”

Onça-parda encontrada morta na rodovia MGC-135
Onça-parda foi encontrada morta na MGC-135, em Mirabela, no Norte de Minas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Seminário apresenta projetos nesta quinta
Seminário apresenta projetos nesta quinta
Município adia início do prazo de inscrições para o dia 1º de julho
Montes Claros poderá registrar temperatura mínima de 12ºC
Temperaturas entram em declínio no Norte de Minas
Temperaturas entram em declínio no Norte de Minas
Deputado exalta reunião sobre energia limpa
Deputado exalta reunião sobre energia limpa
Minas celebra redução no desmatamento
Minas celebra redução no desmatamento
Irrigantes se reúnem em Nova Porteirinha e Jaíba
Irrigantes se reúnem em Nova Porteirinha e Jaíba
Parceria projeta potencializar o extrativismo em Montes Claros
Parceria projeta potencializar o extrativismo em Montes Claros
Parque Estadual de Botumirim inaugura novas estruturas
Parque Estadual de Botumirim inaugura novas estruturas
Bombeiros realizam captura de serpente em área urbana
Cerrado e caatinga apresentam índices de 43% e 37% em Minas
Programa da Prefeitura investe em sustentabilidade e inclusão
Estado entrega 81 novos carros para unidades regionais do IEF
Defesa Civil faz alerta para nova onda de calor em Minas Gerais
Simpósio acontecerá em Salvador
Membros do CBHSF participam do encontro de comitês em BH
Dnocs participa de evento de apresentação do prognóstico de chuvas e seca no semiárido
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste