Norte de Minas gera 10% amais de empregos em agosto

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de agosto analisou através do Núcleo de Estudos Econômicos da Fecomércio MG, que o Norte de Minas apresentou um aumento de 10% nas contratações em comparação com o mês anterior.

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de agosto analisou através do Núcleo de Estudos Econômicos da Fecomércio MG, que o Norte de Minas apresentou um aumento de 10% nas contratações em comparação com o mês anterior. A contratação tradicional prevaleceu em 74,1% das vagas preenchidas.

O segmento de serviços liderou a criação de postos de trabalho com 470 vagas, seguido pelo comércio que preencheu 320 vagas. O maior número de vagas foi gerado nas atividades de teleatendimento, comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios – supermercados; serviços combinados de escritório e apoio administrativo e serviços combinados para apoio a edifícios, exceto condomínios prediais e Ensino fundamental. Já a construção civil teve desempenho negativo com menos 268 vagas em agosto na região. As contratações para o mês foram marcadas pelo incremento de maior proporção de profissionais do sexo feminino. Ao todo 56% das vagas foram para as mulheres e 44% para os homens.

Os contratados em agosto possuem até 24 anos, enquanto as demais faixas perderam espaço no mercado de trabalho. Já em relação à instrução, houve extinção de postos de trabalho para ensino fundamental incompleto e fundamental completo e ensino médio incompleto.

Em agosto, o saldo de empregos no grupo de 89 municípios da região – resultado das admissões menos as demissões – foi de 464 empregos líquidos. Apesar do número de admissões do período se encontrar acima da mediana observada no ano, os desligamentos da região ultrapassaram em 604 postos de trabalho o que foi observado em julho. Por sua vez, o salário médio fixo da região foi de R$ 1.595,15, inferior à média estadual que ficou em R$ 1.896,51 em agosto.

Ainda assim, o Norte de Minas concentra o melhor volume de empregos desde o início da série histórica iniciada em janeiro de 2020. O reflexo da melhora na atividade econômica na região pode ser verificado no aumento de 20% da mão de obra nos 89 municípios. Ao longo dos meses, houve a criação de 33.424 postos de trabalho na região.

ENTIDADE – Glenn Andrade, presidente do Sindcomércio Montes Claros, filiado à Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Minas Gerais, comemora o resultado positivo. Segundo ele, a expansão das contratações, acima da média, em relação às demais regiões do Estado, reflete exatamente a crescente dos investimentos em novos negócios em Montes Claros e região.

Ele assegura que nesse atual momento do super trimestre, que compreende os meses de outubro a dezembro, teremos resultados ainda mais satisfatórios, afinal, é previsto maiores contratações para o comércio com vistas para a Black Friday e Natal, período que os setores do comércio e serviços aumentam consideravelmente as suas demandas.

Cresce a expectativa de vendas no Dia das Crianças
Presidente do Sindcomércio em Montes Claros, Glenn Andrade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Sicoob Credinor participará mais um ano da FERARP em Taiobeiras
Sicoob Credinor participará mais um ano da FERARP em Taiobeiras
Cidade chega a 46,3 mil empresas ativas
Cidade chega a 46,3 mil empresas ativas
Comércio espera um aumento de 5% nas vendas do Dia das Mães
CDL reforça a importância de comprar no comércio local
Norte-mineira Coteminas entra em processo de recuperação judicial
Norte-mineira Coteminas entra em processo de recuperação judicial
Três franquias miram Montes Claros
Três franquias miram Montes Claros
Governo foca micro e pequenas empresas
Governo foca micro e pequenas empresas
Produtores se preparam para enfrentar o período de seca
Produtores se preparam para enfrentar o período de seca
Rural faz lançamento da Expomontes e apresenta Rainhas nesta segunda
Rural faz lançamento da Expomontes e apresenta Rainhas nesta segunda
Pequenos agricultores repassam alimentos para a merenda escolar
BNB detalha soluções para micro e pequenas empresas em encontros
Apiário de Riachinho produz mel para o mercado norte-mineiro
Salário médio dos trabalhadores em Montes Claros é de R$ 2,5 mil
I Encontro do Café será realizado nesta segunda
Emater realizará seminário sobre fruticultura no dia 3
Mercado estima PIB de 1,9%, revela boletim Focus
Setor de seguros cresce no Brasil
Saúde reforça prevenção e enfrentamento às doenças respiratórias
Sindicato da PP ameaça ‘parar’ visita a detentos
Bombeiros realizam captura de serpente em área urbana
Sejusp intensifica acesso à documentação para detentos
CB participa de ação preventiva em escola contra acidentes de trânsito