Montes Claros teve saldo de 148 empresas abertas em setembro

A abertura de empresas em todo o Estado de Minas Gerais alcançou em setembro um volume total de 6.861 novos registros, o que representa 0,93% a mais que no mesmo mês do ano passado (6.798).

A abertura de empresas em todo o Estado de Minas Gerais alcançou em setembro um volume total de 6.861 novos registros, o que representa 0,93% a mais que no mesmo mês do ano passado (6.798). No acumulado do ano, já são 65.717 novas firmas constituídas em Minas Gerais, o que representa 8,74% a mais que no mesmo período do ano passado (60.433). Foi o sétimo mês seguido no Estado, neste ano, com números positivos tanto em relação ao mês como no volume acumulado no ano.

Com 148 empresas constituídas em setembro, Montes Claros subiu para o quinto lugar em Minas Gerais, atrás de Belo Horizonte, Uberlândia, Contagem e Juiz de Fora. Os dados foram extraídos do balanço de registros mercantis da Junta Comercial de Minas Gerais (Jucemg), divulgado nesta quartafeira (11/10). A autarquia é responsável pelos registros mercantis como abertura, alterações e encerramentos de empresas no Estado.

“O balanço da Jucemg se tornou um verdadeiro termômetro para medir a confiança do empreendedor mineiro. Quando o balanço traz um saldo positivo, com mais empresas abrindo que fechando, só podemos comemorar. É um claro sinal de que, em Minas, quem quer investir está encontrando um ambiente favorável”, avalia o presidente da Jucemg, Bruno Selmi Dei Falci.

Para ele, os números positivos refletem a orientação da administração do estado, sob a liderança do governador Romeu Zema, de desburocratizar a iniciativa empreendedora em Minas Gerais.

Conforme o balanço, o Vale do Jequitinhonha (21,01%), o Noroeste (15,33%) e o Rio Doce (10,21%) são, em termos proporcionais, as regiões que tiveram em setembro o melhor desempenho em aberturas empresariais quando comparadas com o mesmo mês do ano passado. Já em números absolutos, as regiões que mais constituíram firmas foram a região Central (3.004) – que abrange a capital, Belo Horizonte -, o Sul de Minas (828) e o Triângulo Mineiro (750).

Outro dado positivo apontado pelo balanço Jucemg é que, em setembro, o número de extinções empresariais (3.466) foi 5,92% menor que no mesmo mês do ano passado (3.684). Em relação ao acumulado do ano, as baixas chegaram a 37.267, variação de 5,14% em relação aos mesmos meses de 2022 (35.442).

O levantamento mostra ainda os municípios mineiros que mais abriram empresas em setembro, com destaque para Belo Horizonte (1.742), Uberlândia (414), Contagem (244), Juiz de Fora (205), Montes Claros (148), Uberaba (143), Betim e Divinópolis (ambos com 113), Governador Valadares (103) e Nova Lima (87).

O balanço da Jucemg considera empresas de qualquer porte, com exceção dos MEIs (microempreendedores individuais), cujas inscrições são realizadas diretamente no Portal do Empreendedor do Governo Federal, sem passar pelas juntas comerciais estaduais.

Montes Claros teve saldo de 148 empresas abertas em setembro
NÚMERO de empresas abertas em Montes Claros continua crescendo neste ano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Sicoob Credinor participará mais um ano da FERARP em Taiobeiras
Sicoob Credinor participará mais um ano da FERARP em Taiobeiras
Cidade chega a 46,3 mil empresas ativas
Cidade chega a 46,3 mil empresas ativas
Comércio espera um aumento de 5% nas vendas do Dia das Mães
CDL reforça a importância de comprar no comércio local
Norte-mineira Coteminas entra em processo de recuperação judicial
Norte-mineira Coteminas entra em processo de recuperação judicial
Três franquias miram Montes Claros
Três franquias miram Montes Claros
Governo foca micro e pequenas empresas
Governo foca micro e pequenas empresas
Produtores se preparam para enfrentar o período de seca
Produtores se preparam para enfrentar o período de seca
Rural faz lançamento da Expomontes e apresenta Rainhas nesta segunda
Rural faz lançamento da Expomontes e apresenta Rainhas nesta segunda
Pequenos agricultores repassam alimentos para a merenda escolar
BNB detalha soluções para micro e pequenas empresas em encontros
Apiário de Riachinho produz mel para o mercado norte-mineiro
Salário médio dos trabalhadores em Montes Claros é de R$ 2,5 mil
I Encontro do Café será realizado nesta segunda
Emater realizará seminário sobre fruticultura no dia 3
Mercado estima PIB de 1,9%, revela boletim Focus
Setor de seguros cresce no Brasil
Saúde reforça prevenção e enfrentamento às doenças respiratórias
Sindicato da PP ameaça ‘parar’ visita a detentos
Bombeiros realizam captura de serpente em área urbana
Sejusp intensifica acesso à documentação para detentos
CB participa de ação preventiva em escola contra acidentes de trânsito