Cidade terá franquia da Saúde Livre Vacinas

A rede de clínicas Saúde Livre Vacinas vai abrir mais oito unidades em Minas Gerais até o fim do primeiro semestre deste ano. Uma das lojas será em Montes Claros

A rede de clínicas Saúde Livre Vacinas vai abrir mais oito unidades em Minas Gerais até o fim do primeiro semestre deste ano. Uma das lojas será em Montes Claros. De acordo com a fundadora e CEO da empresa, Rosane Argenta, a empresa já possui quatro clínicas em operação no Estado. As novas franquias estão alinhadas ao plano de expansão da marca, que espera fechar o ano com 230 unidades no Brasil. A rede soma 152 franquias inauguradas e em implantação. Dentre as novas clínicas a serem instaladas no Estado, duas serão abertas em Belo Horizonte.

Além da capital e Montes Claros, as demais unidades serão implantadas nas cidades de Ipatinga, Lavras, Formiga, Araguari e Valinhos. Rosane Argenta destaca que o mercado mineiro ainda tem capacidade para abrigar mais oito operações da rede, além das que serão inauguradas. A rede Saúde Livre já está presente em Nova Lima e Betim, na região metropolitana; Divinópolis, na região Centro-Oeste; e Patos de Minas, no Alto Paranaíba.

A executiva afirma que as unidades presentes em Minas Gerais têm apresentado bons resultados. E ressalta que essas clínicas tendem a figurar entre as operações com melhor desempenho do Brasil; ficando, muitas vezes, entre as dez melhores da rede. “Enxergamos muito potencial do Estado, sendo a terceira economia do País, e a possibilidade de ampliar a atuação da rede na região, pois existe muito mais mercado do que já é atendido pelas clínicas existentes”, avalia.

A CEO da rede Saúde Livre Vacinas também entende que a economia de Minas e o próprio mercado mineiro oferecem condições favoráveis para a implantação de mais clínicas de vacinação.

Dentre os fatores para esse cenário, está o aumento da conscientização da população local quanto à necessidade de prevenção de doenças por meio da vacinação. O bom desempenho das clínicas em Minas e o mercado local favorável foram alguns dos motivos, segundo a empresária, que levaram a empresa a ampliar sua presença no Estado. Dentre os critérios utilizados na tomada de decisão para seleção das cidades, Rosane Argenta destaca: tamanho da população, Produto Interno Bruto (PIB) local e alguns dados de mercado, como a quantidade de clínicas em atuação e cobertura vacinal na rede pública do município. Quanto ao cenário nacional, a fundadora da rede afirma que o objetivo é alcançar a marca de 254 operações em todo território nacional até o final de 2025. “Temos um estudo que mostra que com este número de unidades em operação faremos uma diferença significativa na cobertura vacinal para a população brasileira”, pontua.

Além disso, o número de franquias somado ao programa Saúde Livre Solidária, que destina 1% do faturamento da rede para a vacinação de pessoas carentes, a empresa também vai poder ampliar a cobertura vacinal de toda a população brasileira em 1%. “Isso vai fazer uma diferença significativa na redução das doenças imunopreveníveis”, afirma.

O valor médio inicial para abrir uma clínica de vacinação da rede é de aproximadamente R$ 250 mil. Já o faturamento médio de uma operação da empresa, segundo Rosane Argenta, após um ano de funcionamento, é de cerca de R$ 100 mil. O tempo médio de retorno do aporte varia entre 18 e 20 meses. (As informações são de repórter Leonardo Leão, do jornal Diário do Comércio, de Belo Horizonte)

Cidade terá franquia da Saúde Livre Vacinas
SAÚDE Livre Clínica de Vacinas implantará uma unidade em Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendadas a você

Piso da Enfermagem será de R$ 3 milhões
Piso da Enfermagem será de R$ 3 milhões
População de Jaíba recebe reforço na saúde
População de Jaíba recebe reforço na saúde
Secretaria alerta sobre malefícios do consumo de cigarro
Secretaria alerta sobre malefícios do consumo de cigarro
Inaugurado Hospital do Câncer de Janaúba
Inaugurado Hospital do Câncer de Janaúba
Roda-Hans atende mais de 200 pacientes em Janaúba
Roda-Hans atende mais de 200 pacientes em Janaúba
Região vai receber R$ 750 mil para custear imunobiológicos especiais
Região vai receber R$ 750 mil para custear imunobiológicos especiais
Santa Casa realiza 2º Encontro de Planejamento Estratégico
Santa Casa realiza 2º Encontro de Planejamento Estratégico
Cievs alerta o Norte de Minas sobre casos de Febre Oropouche
Cievs alerta o Norte de Minas sobre casos de Febre Oropouche
Saúde lança campanha de prevenção ao uso de cigarros eletrônicos no País
Semana de formação do Projeto Integra Chagas movimenta profissionais
Governo recebe aeronaves que vão reforçar transporte de órgãos vitais e a segurança
Laudo aponta morte de menina por parada cardiorrespiratória
Exames de câncer bucal serão realizados no Major Prates
Aprovado projeto sobre uso de bactéria para controle do mosquito da dengue
Salas de Vacinação em Montes Claros
Governo antecipa parcelas da dívida com municípios
PC alerta para notícias falsas sobre carteira de identidade
TJMG participa do anúncio das obras de quartel dos Bombeiros
Polícia Civil lança site sobre desaparecimento de pessoas
Polícia de Meio Ambiente lança Operação “Curupira”
Forças de segurança protestam por reajuste